Espinheira Santa

Nome científico: Maytenus ilicifolia Martius.

Sinonímia científica: Maytenus buchananni Loes.

Nome popular: Espinheira Santa, Cancrosa, Cancerosa, Cominho-do-campo, Espinho-dedeus, no Brasil; Congorosa e Cangorosa, no Paraguai; Mayten, no Chile; Sombra de Toro, Salva-vidas, Quebrachillo e pus pus, na Argentina.

Família: Celastraceae.

Parte Utilizada: Folha e caule.

Ação Farmacológica:

É indicada principalmente nas úlceras gástricas, gastralgias e dispepsias. É usada também como antiasmática, contraceptiva e antitumoral.

Contra Indicações :

De acordo com as investigações feitas, a Espinheira Santa não apresenta efeitos tóxicos nem teratogênicos em animais de laboratório tanto em administração crônica ou aguda. Porém a maitenina provocou alguns quadros de dermatites localizadas quando administrada via intradérmica. É contraindicado o uso durante a gravidez e na lactação.

Dosagem e Modo de Usar :

- Infusão:20g para cada 1 litro de água, tomar três a quatro vezes ao dia;

- Extrato Seco: 500 mg, tomar uma a três vezes ao dia;

- Pó: 1,5g a 3 g, ao dia;

- Tintura: 5 a10 mL, três vezes ao dia, diluídos em meio copo de água;

 

*Consulte seu Médico ou Farmacêutico.

Quero um Orçamento
Realize seu Orçamento
Em breve retornaremos.